24/05/2007

A boa comunicação vence em qualquer terreno



Dias desses, quando estava no ônibus voltando para casa, mais um vendedor ambulante entrou no coletivo para vender os seus doces. Mas este fugiu do discurso manjado “Pessoal, poderia estar roubando, matando, por isso me ajudem comprando um docinho” e também deixou de lado as balinhas de qualidade duvidosa que centenas dos seus colegas insistem em comercializar.

Primeiro, ele se apresentou: Zé Branquelo, por causa da sua pele albina. Ele trazia consigo um chocolate da Nestlé e soube muito bem descrever as qualidades do produto. Ressaltou os anos de tradição da empresa, comparou os preços dos seus “concorrentes” (as lojas Americanas, por exemplo) e, segundo ele, foi pessoalmente negociar o melhor preço com o seu fornecedor.

Percebi que aquela figura estranha, mas simpática, conseguiu a atenção da maioria dos passageiros, que geralmente olham para a janela ou continuam o papo com o vizinho de banco. Depois de falar com segurança por volta de um minuto, começou a chover pedidos, afinal ele tava vendendo dois chocolates da Nestlé por R$ 1,00!

Enquanto ele aguardava descer no próximo ponto, não resisti e perguntei: como você aprendeu a ter um argumento tão bom? Ele respondeu que observava os comerciais da televisão e tentou fazer o mesmo nos ônibus da vida. Com essas palavras cheias de persuasão, Zé Branquelo consegue esvaziar as caixas do seu chocolate de uma forma extraordinária. Quem sabe, algum dia, algum dono de agência contrate este rapaz para a criação.

Caio Costa, do Blogcitário – www.novoblogcitario.blogspot.com

PS: Por não conseguir na web uma foto de um vendedor parecido com Zé Branquelo, postei uma foto ilustrativa ;)

5 comentários:

clare disse...

gostei!
achei engraçado onde ele tirou os argumentos.

é a criatura imitando o criador.

Inã disse...

Adorei o post de hoje Caio, um dos assuntos que eu mais gosto é quando o assunto é o nosso cotidiano... Não tem coisa melhor, por quê mexe com todos que estão lendo a materia, inclusive eu.

Abraços!!!

Helena disse...

Dalí Zé, um dos novos Marketeiros do Brasil, é isso aí ! Nada melhor do que explorar as qualidades do produto para vender melhor ;-) resultado, vendedor contente, empresa contente e cliente mais contente ainda !

ohanauau.blogspot.com disse...

Guerreiros,

Ahahahaha
ahahahaha
ahahahaha
ahahahaha

Que loucoooooooo... Esperto o albino.

Isso dá ate açao para essas empresas. Vai que a agencia q tem a conta da Nestle na cidade nao contrata esse cara....

Açoes. guerrilha. etc...

Show de bola...

Uau!

al.maia disse...

Até o final eu pensava que o apelido "Zé Branquelo" era ironia! HAhHaA!!