25/05/2007

Portfólio.



Fala galera!
Mais uma sexta-feira chegando e lá vou eu para mais um post aqui no Bloguerreiros.

Recentemente nossa querida Helena postou aqui no blog, um artigo ótimo sobre como fazer um currículo nota dez. Isto é muito importante, mas na propaganda, principalmente na área de criação, o currículo dos redatores publicitários e diretores de arte são os portfólios.

Este é um assunto que atormenta muita gente atualmente. Tenho apenas 17 anos e recentemente tive uma dúvida perturbadora sobre como montar um portfólio para conseguir um estágio em uma agência de publicidade. Pesquisando sobre o assunto e me consultando com pessoas do ramo descobri coisas muito interessantes que vou compartilhar com vocês.

Para começar, vamos saber o que é e para que serve um portfólio.

Portfólio nada mais é do que uma pasta que contém seus melhores trabalhos. No ramo da propaganda, ele é um passo importante para iniciar a carreira, ou não. Um portfólio deve ser muito bem feito e deve conter peças onde você teve uma importante participação, mas nada de querer mentir para se dar bem, pois você acarretará problemas no futuro.

A recomendação é que se coloque de 10 a 20 peças e nelas inserir informações importantes como para qual cliente o trabalho foi feito, quando ele foi feito e quem o fez.
A primeira impressão sempre é a que fica. Por isso você deve começar e terminar o portfólio com chave de ouro. Seu portfólio deve “fisgar” a pessoa que está avaliando-o e você sempre deve dar uma explicação sobre alguma peça quando necessário. Uma dica é enumerar seus trabalhos de 1 a 10, pela qualidade de cada peça, e colocar na seguinte ordem: 10, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9.


Lembre-se sempre de inovar, mas nunca se esqueça da simplicidade, pois como já disse anteriormente em outro post, é a chave de tudo.
É sempre bom procurar inspiração nos anuários e em outros portfólios pela internet.

Para mais informaçoes sobre o assunto veja o “Manual do Estagiário”, de Eugênio Mohallem, e um artigo publicado no “Carreira Solo” muito interessante.

Bom, por hoje é só. Espero que vocês tenham gostado.

Abraço a todos.

Bruno Delfino.
http://by-theway.blogspot.com

Um comentário:

Inã disse...

Nossa Bruno sem palavras, você não faz ideia do tanto de gente que tem essa dúvida, o blog não seria completo sem um assunto desses!